Ele está sempre comigo

Eis que estou convosco todos os dias
até à consumação do século.
 Mateus 28.20



Temperatura baixa, o céu cinza e o vento frio que teima beijar o rosto é o que temos para hoje. O frio é realmente desanimador, pois para fazer as tarefas mais simples é muito ruim. O frio traz aquela sensação de tristeza e solidão, mas há um frio muito mais cruel, um frio que nem mesmo mil cobertores é capaz de aquecer e esse frio se instala na alma e faz com que nos sentimos vazios e distantes de Deus.

Jesus foi preso e condenado à cruz e tudo passou tudo Ele sofreu calado como cordeiro manso levado ao matador. Mas pior que os acoites e a humilhação que Jesus viveu foi o sentimento de solidão, vazio e abandono que Ele sentiu na cruz, nem a dor do cravos fincados em suas mãos se comparou a dor que Ele sentiu por não mais sentir o Pai ali ao seu lado e diante da dor da ausência Ele bradou Sua alma em desesperou clamou: “Deus meu por que me desamparaste”¹.
Jesus estava enfrentando o pior momento de sua vida e não seria agora que o Pai o deixaria só, Jesus se sentiu só, mas não estava só. Jesus viveu uma vida com o Pai firmada em relacionamento em comunhão e não em sentimento e mesmo sentindo só e abandonado Ele clamou: Pai, nas tuas mãos entrego o meu espírito², pois Jesus sabia que Deus estava com Ele mesmo não sentindo perto.

Há dias na fé em que vivemos o frio onde o céu do nosso coração está totalmente carregado de nuvens escuras e alcançar o trono sentir a presença do Pai parece impossível e como Jesus no sentimos vazios abandonados.
Mas a palavra nos diz que era inverno em Jerusalém tempo da festa da dedicação e nem mesmo o frio rigoroso fez com que Jesus se ausentasse daquele lugar, mas ao contrário Jesus passeava pelo templo estava lá disponível e ao alcance de todo aquele que o procurasse². 

Hoje o templo4 somos nós e podemos até estar vivendo dias frios, dias em que nos sentimos só e vazio de Deus, mas não podemos nos esquecer de que era inverno e Jesus passeava pelo templo, ou seja, mesmo que não O sintamos perto, mesmo que não sentimos a Sua presença a Sua palavra nos  garante era inverno e Jesus passeava pelo templo  Ele não nos deixa, Ele está  em nós.

Por isso não ande com Deus firmado em sentimento, mas ande com Ele firmando em Sua Palavra, pois esta é fiel e não deixará que os nossos passos falhem que nosso pés vacilem.





-----------------------------------
¹ Marcos 15.34
² Lucas 23.46
³ João 10.22.23
4 1 Coríntio 6.19.

Nenhum comentário:

Postar um comentário