Agrade a Deus

 Aproximou-se dele uma mulher, trazendo um vaso de alabastro cheio de
precioso bálsamo que lhe derramou sobre a cabeça estando ele à mesa.
Mateus 26.7


O tempo todo estão sob nós os olhos atentos de Deus e não há nada que fazemos que Ele não saiba, toda as nossas palavras, sentimentos e atitudes lhe são conhecidas e é por esta razão que temos que estar sempre atento para que através delas possamos agradá-lo.

A bíblia diz que Jesus estava na casa de Simão o leproso e estando Ele à mesa aproximou-se uma mulher com vaso de alabastro em suas mãos e derramou sobre a cabeça de Jesus este precioso perfume.
Todos os olhares estavam atento a esta mulher e a atitude dela foi reprovada pelos próprios discípulos de Jesus que indignados diziam que tal ato era um desperdício.
Mas, esta mulher não se preocupou com que os outros diziam ou pensavam ao seu respeito, ela não estava interessada em agradar as pessoas que ali estavam, mas sim em agradar ao Senhor e conseguiu, pois quando fazemos tudo por amor a Deus, Ele recebe a nossa oferta e atitude dela agradou Jesus de tal maneira que Ele ordenou que onde fosse pregado o evangelho fosse contado o que ela fez.

Muitas vezes agradar a Deus gerará nos outros desaprovação, mas assim como esta mulher devemos ser, pois não devemos nos preocupar em agradar as pessoas e muito menos nos preocupar com que elas sentem e pensam a nosso respeito, mas devemos nos preocupar em agradar ao Senhor, em viver nossa vida para honra e glória dEle, nos mantendo em santidade fugindo do pecado e de tudo que possa nos afastar dEle e  entristecê-lO.
Devemos firmar a nossa vida no Senhor e jamais dar ouvidos as criticas destrutivas e não permite que nada e nem ninguém tire você do foco que é Jesus.

Por isso, derrame todo vaso de alabastro (alma, sua vida) perante o Senhor, deposite a sua fé nEle, pois agindo assim por certo Ele se agradará.





Oásis

Aquele, porém, que beber da água que eu lhe der
 nunca mais terá sede, pelo contrário, a água que eu
lhe der será nele uma fonte a jorrar para vida eterna.
João 4. 14
  

Viver uma vida sem Deus não é viver e sim apenas existir. Sem Deus não há paz e sim sossego, pois a verdadeira paz não está na falta de problemas e aflições, mas a verdadeira paz só Jesus pode nos dá. Sem Deus não há alegria e sim felicidade momentânea, pois a verdadeira alegria não está nas coisas, pessoas ou em momentos, mas a verdadeira alegria está no Senhor Jesus, está em ter o Espírito Santo em nós, pois sem Ele em nossas vidas tudo é uma grande ilusão.

Em Samaria havia uma mulher que vivia uma vida aparentemente normal com suas rotinas, seus hábitos e costumes. Mas esta mulher vivia uma vida de ilusão, pois tinha uma vida sentimental fracassada já havia se casado cinco vezes e seu último marido nem marido seu era.
Jesus foi até a cidade de Samaria somente para encontrá-la e fazer daquela vida sem vida uma vida abundante, transformada, ou seja, Jesus foi lá para salvá-la tirar aquela alma do engano e da morte.  

 Em nossos dias quantos vivem uma vida de ilusão e engano. O mundo está um deserto, falta amor, os corações cada vez mais frios, as pessoas cada vez mais sofridas, escravizadas na mão do mal, vivendo uma vida apenas agradar a carne e achando que agindo estão certo, que irão ganhar alguma coisa, mas sabemos que o pecado leva à morte e a verdadeira vida só Jesus tem.

Jesus ao encontrar esta mulher puxou conversa, tocou na ferida para que assim ela pudesse enxergar que longe dEle não há vida, vai “morrer de sede”.
E assim como Ele devemos agir, não podemos perder as oportunidades de falar de Jesus e de Seu amor salvador, pois só assim pregando Jesus  que todos os perdidos, os sedentos irão até às fontes se saciar.

Jesus é a fonte de Vida, Ele é o Oásis do nosso deserto, só Ele pode nos salvar.



Tire a pedra

Então, ordenou Jesus: Tirai a pedra.
João 11.39


É, a vida tem seus caminhos e em seus caminhos por certo encontraremos algumas pedras, pedras estas que dificultam o nosso caminhar e nos impede de avançarmos, de vivermos o melhor de Deus. Mas é maravilhoso saber que para cada pedra no caminho existe um Deus Poderoso  que está sempre pronto a nos socorrer.

Lázaro estava morto e sepultado já há quatro dias e Jesus ao chegar à cidade de Betânia encontrou uma cidade enlutada e as irmãs Marta e Maria triste e de certa forma já até conformada com a morte do irmão, pois para elas embora cressem que Jesus era Deus não havia mais o que fazer, pois o irmão era morto e ressuscitaria no último dia e só restava então chorar a morte, curar coração da dor da perda e deixar que tempo se encarregue do resto.
Mas o Deus da Vida estava lá pronto para agir, pronto para fazer o impossível acontecer.  E assim foi Jesus ordenou que tirasse a pedra que vedava o túmulo e assim milagre aconteceu, Lázaro ressuscitou.

Todos nós vivemos situações difíceis, todos nós buscamos ajuda de Deus para nossos problemas, ansiamos por um milagre. Mas há momentos na fé que o milagre não vem, pois há uma pedra em nosso caminho impedindo-o de acontecer.
A pedra é muitas vezes a incredulidade, falta de fé, pois quantas vezes enchemos os nossos lábios dizendo que cremos no Senhor, mas quando a situação fica difícil logo surge à dúvida, logo deixamos de crer. A pedra também é o desanimo, a apatia espiritual, pois queremos que Deus haja em nosso favor, mas não fazemos a nossa parte, não oramos, não buscamos em Deus o socorro. A pedra é muitas vezes a ansiedade, pois tudo tem o tempo certo para acontecer até o nosso milagre, mas a demora nos faz pensar que Deus não agirá e com isso por não vermos logo resultado deixamos de crer. Há muitas pedras no caminho e qual delas tem nos impedido de vivermos nossos milagres.

Jesus disse: Tire a pedra! Ele mesmo poderia ter ido até o tumulo e com suas próprias mãos ter empurrado a pedra, mas não! Ele ordenou tire a pedra, ou seja, há coisas que somos nós que temos que fazer Deus está ao nosso lado nos ajudando, mas a pedra quem tem que tirar somos nós. Somos nós que temos que crer, somos nós que temos que confiar em Deus, somos nós que temos que perseverar até o fim, somos nós.

Por isso, não espere de Deus aquilo que VOCÊ tem que fazer, pois o milagre só vai acontecer quando VOCÊ tirar a pedra, por isso, tome uma atitude já, não permite que as pedras impeçam de viver o sobrenatural de Deus.






Refazendo o vaso

Como o vaso que oleiro fazia de barro se lhe estragou na mão,
 tornou a fazer dele outro vaso, segundo bem lhe pareceu.
Jeremias 18.4


Quando começamos a nossa caminhada com Cristo conhecemos um Deus de amor que toma para Si os nossos fardos, sara as nossas dores, nos liberta e nos dá vida eterna.
A cada dia, a cada passo dado ao Seu lado vamos nos maravilhando com Sua grandeza, e nos apaixonamos mais e mais.Mas infelizmente no caminho não há só flores e muitas vezes não vigiamos e acabamos tropeçando e o vaso que outrora embelezava acaba sujo e quebrado e somente a mão Poderosa do Grande Oleiro para restaurar este vaso.

Davi era um vaso de honra, um exemplo para nós, mas por não vigiar acabou tropeçando nos encantos de Beteseba.Beteseba  era uma mulher muito formosa  e sua beleza encantou Davi de tal forma que ele quis tê-la para si. Beteseba era casada, mas isto não foi impedimento e assim Davi pecou, deitou-se com ela e a engravidou e se não bastasse tudo isso ainda matou seu marido ordenando que ele ficasse sozinho à frente da batalha e que se ferido deixasse morrer.
A atitude de Davi desagradou ao Senhor, pois Deus abomina o pecado e como consequência a criança morreu. Davi pagou o preço e o vaso de honra tornou-se vaso de desonra, um vaso sujo e quebrado. No salmo 51 Davi clama pela misericórdia implora a Deus o perdão e como a ira do Senhor dura apenas um instante ²  O Oleiro em Sua infinita bondade perdoa e refaz o vaso.

Todos nós temos em nossa vida algo que se quebrou, assim como um vaso que  precisa ser restaurado.O vaso quebrado representa muitas vezes a nossa vida espiritual onde perdemos a comunhão com Deus, o primeiro amor.O vaso quebrado representa muitas vezes o casamento o lar destruído.O vaso quebrado representa a  perca da saúde, dos bens materiais, não importa qual vaso tenha quebrado o Oleiro tem poder e vai refazer tudo de novo.
Mas para que isso aconteça é preciso colocar o vaso na roda e permitir que Oleiro trabalhe, ou seja, precisamos nos entregar por completo a Jesus, confiar plenamente nEle em Seus cuidados e acima de tudo obedecer, viver a palavra, pois só assim  o Oleiro fará de nós, de nossa vida um vaso novo.

Por isso, se em sua vida algum vaso se quebrou não se desespere, pois as mãos carinhosas do Oleiro consertará.






_____________ 
¹ II Samuel 11
² Salmo 30.5a


Pela manhã

Porque não passa de um momento a sua ira, o seu favor dura a vida inteira.
Ao anoitecer, pode vir o choro, mas a alegria vem pela manhã.
Salmo 30. 5



Tem dias que tudo parece estar mais bonito, o sol parece brilhar mais e até o azul do céu parece estar ainda mais azul, mas há também os dias em que tudo parece estar cinza triste e difícil.

A bíblia nos fala que Jó¹ viveu dias tristes e difíceis, ele perdeu sua saúde, seus filhos, seus bens materiais. Jó era um homem temente a Deus, fiel, mas a palavra diz que o Pai celeste faz nascer o seu sol sobre maus e bons e vir chuvas sobre justo e injusto² e por isso mesmo Jó sendo um exemplo de homem de Deus  para nós não impediu que a noite viesse sobre sua vida.
Mas Deus é Deus em todo tempo, na alegria e na dor e mesmo Jó vivendo toda esta tragédia em momento algum o Pai celeste deixou-o a mercê se sua própria sorte, mas esteve ao seu lado, fortalecendo, dando a Sua graça para que Jó não perdesse a sua fé e viesse a sucumbir.
Jó viveu longas noites de choro, mas dias felizes estavam sendo preparados, o sol voltaria a brilhar em sua vida e Jó viu restituído em dobro tudo o que perdeu.

E como Jó há momentos em nossa vida que estamos em meio à noite. A noite são os momentos de dor e perda, momentos onde nos vemos mergulhados em problemas, momentos onde tudo parece dar errado e com isso nos sentimos tão angustiados, pois parece que este tempo ruim nunca terminará. O nosso coração se enche de tristeza e já não temos esperança que dias melhores virão, mas a promessa de Deus é que a alegria virá e é nisto que devemos nos apegar, pois a palavra de Deus é verdadeira e se cumprirá.

Pela manhã nascerá um novo tempo, um tempo feliz onde não há espaço para tristeza e dor e todo choro e sofrimento ficará para traz e só nos lembraremos deles como água que já passaram.

Por isso, anime-se,tenha fé, acredite, pois que dias melhores virão, dias que nos alegraremos com as promessas do Senhor cumpridas em nossas vidas.








___________________
¹ Jó 1:13.19, 2:7, 42:10
² Mateus 5.45



Persevere

Elias, porém, subiu em cimo do Carmelo, e
 encurvado para terra, meteu o rosto entre os joelhos.
I Reis 18.42

 

Perseverança é uma qualidade dos fortes, daqueles que tem fé e acreditam que mesmo que as circunstâncias sejam contrárias e desanimadoras atingir o objetivo e só uma questão de tempo, pois com Senhor a vitória é certa.

O profeta Elias é um exemplo disto ele era um homem de Deus, de fé e não se deixou intimidar pelo rei Acabe, mas com ousadia profetizou sobre a terra uma grande seca dizendo: “nem orvalho, nem chuva haverá nestes anos segundo a minha palavra”,e assim foi durante três anos não choveu sequer uma gota e com isso a fome e a seca era tremenda. 
Toda esta situação gerou ódio no coração idolatra de Acabe e de sua esposa Jezabel e então eles decidem matar todos os homens de Deus, pois culpava a Deus pelo que estavam vivendo, mas sabemos que Deus é bom e eles só estavam colhendo o fruto de uma vida no erro, no pecado.
Acabe e Jezabel mataram muitos homens de Deus, mas pela graça Elias e mais cem homens de Deus conseguiram escapar das garras malignas de Acabe e Jezabel.
Passados este tempo o profeta Elias sem temer à morte apresentou-se perante a Acabe e disse para ele comer e beber porque uma abundante chuva cairia sobre a terra.
Elias então junto com seu moço sobe ao monte e se põe de joelhos e ora para que os céus se abram e abundante chuva caia sobre a terra.
Elias orou e à medida que ia orando pedia para seu moço olhar e ver se no céu havia sinal de chuva, mas as noticias não eram animadoras, não havia sequer um mísero sinal de chuva, mas Elias não se deixou abalar e permaneceu firme no Senhor. Elias não desistiu e mesmo não vendo resultado continuou, mesmo diante da noticia desanimadora continuou de joelhos orando e então eis que um sinal surgiu no céu uma pequena nuvem do tamanho da palma da mão de um homem e desta pequena nuvem os céus foram se enegrecendo até que caiu uma grande e abundante chuva.

Como Elias há momentos em nossa vida que vivemos situações difíceis e oramos buscamos a Deus o Seu socorro e aparentemente nada acontece, parece que Deus não nos ouve, não vemos um sinal de mudança tudo continua exatamente igual.

Mas pela fé aprendemos que mesmo que os nossos olhos não estejam vendo um sinal do agir de Deus não podemos  desistir e nem  abandonar a fé na primeira luta, na primeira dificuldade, no primeiro não! Como Elias temos que ser incansável e não deixar que nada nos tire do foco.

A vida de Elias nos encoraja a continuarmos firmes em nossos propósito e aconteça o que acontecer jamais  perder a fé, jamais deixar de crer, mas sim continuarmos orando, continuarmos buscando o Senhor, pois o Senhor é nosso socorro, a ajuda vem dEle e quando menos esperarmos Ele abrirá o céu e derrama sobre nós chuva abundante. 






Nada faltará

O Senhor é o meu pastor, nada me faltará.
Salmo 23.1

Quem neste mundo nunca viveu uma situação difícil, seja na área da saúde, financeira ou familiar todos nós em algum momento vivemos o dia mal. Mas mesmo nós enfrentando dias difíceis nunca deixamos de ver a mão poderosa do nosso Deus agindo em nosso favor suprindo cada uma das nossas necessidades.

Foi assim com Moisés e o povo no deserto a bíblia nos fala que Deus tirou o povo do Egito¹ onde viviam debaixo da vergonha, da humilhação, da escravidão e os conduziu ao deserto rumo à terra prometida. O deserto não é um lugar para se viver e nem bom para se estar, mas mesmo sendo lugar “ruim” Deus cuidou do povo e não permitiu que morressem de fome, pois todos os dias fazia chover pão do céu (o maná). Deus não deixou que perecessem com sede, pois da rocha Ele fez jorrar água. Deus cuidava e não permitiu que sofressem com o frio e nem com o calor, porque de dia uma nuvem cobria-os do sol forte e a noite uma coluna de fogo aquecia do frio, a roupa não se desgastou e até com carne Deus saciou aquele povo.
Como Pai Deus cuidava supria a cada dia a necessidade, mas para o povo nada do que Deus fazia era suficiente e insatisfeitos diziam “Quem nos dera tivéssemos morrido pela mão do Senhor na terra do Egito, quando estávamos sentados juntos às panelas de carne e comíamos pão a fartar!”. Eram um povo ingrato e mesmo Deus usando toda Sua bondade nada estava bom, pois para eles ter pouco era o mesmo que não ter nada, eles queriam mesmo era se fartar, em outras palavra, que deserto que nada o que interessa mesmo é entrar na terra prometida.
Mas sabemos que se não fomos fiel no pouco, no muito Deus não nos colocará, e o povo perdeu porque não souberam ser fiel no pouco e por isso Deus não permitiu que ninguém exceto Josué e Calebe entrassem na terra prometida.

 A caminhada de Moisés e o povo pelo deserto nos ensina que quando Deus é o nosso pastor nada nos falta, não importa em que fase da vida estamos se em meio ao deserto ou em altas montanhas Ele sempre estará conosco e suprirá cada uma de nossas necessidades.

Por isso, temos que aprender a viver feliz e agradecidos com que temos hoje, pois podemos até viver dias difíceis onde os recursos são poucos, mas a fonte nunca secará Deus dará sempre o suficiente, o pão nosso de cada dia nunca vai faltar, por isso, confiemos no Senhor, façamos dEle o nosso Pastor.








_____________________
¹ Êxodo 12.37

Na porta do coração

E, quando chegou perto da porta da cidade, eis que
 levavam um defunto, filho único de sua mãe, que era viúva;
 e com ela ia uma grande multidão da cidade.
Lucas 7.12


Nada  neste mundo é eterno, perdas infelizmente fazem parte da vida e só quem já provou o gosto amargo da perda sabe o quanto é ruim passar por algo assim.

A bíblia nos fala de uma mulher viúva que também passou por esta terrível experiência primeiro com a perda de seu marido depois com a morte do seu único filho.
Esta mulher perdeu seu filho amado e junto com ele perdeu também a alegria, a vontade de viver,a esperança de um amanhã melhor e no seu coração só restou a dor, a solidão e a saudade.
A mulher com a multidão da cidade e seguia rumo ao cemitério para enterrar seu filho, mas está mulher estava prestes a viver um grande milagre ela e todos veriam diante de seus olhos o impossível acontecer, pois na porta da cidade estava Jesus que passando por este lugar viu o drama desta mãe. Deus é um Deus presente que vê  o nosso sofrimentos e as nossas lágrimas.Deus é um Deus que se preocupa conosco e Jesus ao ver está mãe sofrendo se compadeceu e disse para ela não chorar e aproximou-se do morto tocou no esquife ordenou e o milagre aconteceu o filho morto, reviveu!Jesus restituiu o filho amado novamente aos braços de sua mãe.

Como esta viúva passamos também por perdas, algumas tão grandes que nos vemos sem chão e não temos força para levantar e somente o toque de Jesus para nos colocar de pé e nos dar força para seguir e recomeçar.

 Jesus está vivo e opera hoje os mesmo sinais e maravilhas que fez no passado, e o mesmo Jesus que estava à porta da cidade de Naim está hoje à porta do nosso coração esperando para entrar em nossas vidas.
Jesus mudou a vida desta mulher e Ele também mudará a nossa vida, Jesus devolverá a alegria roubada, a saúde perdida, restituir tudo o que perdemos, nos dar a vida eterna, mas para que isso aconteça precisamos abrir o nosso coração entregar a nossa vida aos Seus cuidados, pois só assim Ele mudará a nossa história.

Por isso, não perca mais tempo, não deixe Jesus esperando, abra logo o seu coração convide Jesus para entrar em sua vida e desfrute do prazer que é estar com Ele, de viver em companhia da Sua doce presença.

"Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele comigo. (Apocalipse 3:20)






Luz na escuridão

Houve trevas espessas sobre a terra do Egito por três dias [...].
Porém todos os filhos de Israel tinham luz nas suas habitações.
Êxodo 10.23

  
Assim como o óleo não se mistura com a água, a luz não se mistura com as trevas.Em Deus não há treva alguma e sendo assim não jamais pode haver acordo entre luz e as trevas, entre os filhos de Deus e filhos do maligno, mas o diabo é astuto e sempre tentará nos enganar.

A bíblia nos mostra esta verdade Faraó achando-se muito esperto tentou entrar em acordo com Moisés para impedir o povo de Deus saísse Egito.
O povo de Deus clamou e Deus ouviu e levantou Moisés para libertar Seu povo do poder de Faraó. Por muitas vezes Moisés foi a presença de Faraó e pedia para que ele permitisse que o povo partisse, mas todas às vezes que Moisés ia a Faraó Deus endurecia seu coração e ele não deixava o povo partir com tudo que lhe era de direito.
Faraó tentou negociar, entrar em acordo com Moisés dizendo que o povo podia ir, mas o gado o rebanho permaneceria no Egito. Moisés não se dobrou as condições de Faraó e disse que sequer uma unha ficaria no Egito, mas Faraó não recuou diante da posição de Moisés e por este motivo Deus através de Moisés demonstrou o Seu poder.
Moisés estendeu a mão para o céu e densas trevas cobriu todo Egito por três dias, a escuridão era tamanha de modo que podia apalpar e sendo assim os egípcios não podia sequer levantar, andar sair do lugar.
Mas há diferença entre os que servem a Deus e os que não servem e para mostra isto Deus fez com que só Seu povo tivesse luz em suas habitações.
Deus manifestou Seu poder, fez grandes sinais, mas mesmo diante disto Faraó e seu povo não se renderam ao Deus Todo Poderoso, a luz brilhava, mas eles preferiram as trevas.

 Não vivemos tempo diferente daquele tempo no Egito, à luz também brilha em nossos dias, mas muitos ainda vivem mergulhados na escuridão,os corações estão cada vez mais endurecidos e amor de muitos já se esfriou.

 Faraó (diabo) ainda reina ainda na vida de muitos e o pecado domina, mas Faraó sabe que se a luz (Jesus) chegar as trevas serão dissipadas e é por isso que ele tenta de muitas maneiras nos paralisar,nos fazer desistir de cumprir a vontade de Deus, de pregar a salvação.

Mas os planos do Senhor jamais serão frustrados e a palavra diz que a luz resplandece nas trevas e as trevas não prevaleceram contra ela, ou seja, Faraó já esta derrotado e nada pode impedir de cumprirmos o nosso chamado.
Somos como luz em meio a este mundo em trevas e como luz temos que brilhar, levar Jesus a todos os perdidos e assim tirar da escuridão os que sofrem, por isso, não podemos permitir que nada ( pecado) ofusque o brilho de Jesus em nós.

A vida de Moisés nos encoraja a permanecermos firmes no Senhor e jamais nos dobrar e nem ceder a Faraó, mas como ele lutar até o fim, até que todos vejam a luz e assim Jesus possa voltar.

Maranata, Vem Senhor Jesus!








Salvador

O Senhor deu um salvador a Israel, de modo que os filhos de Israel
saíram de sob o poder dos siros e habitaram,
de novo, em seus lares, como dantes.
 2 reis13.5



Trilhar o caminho do pecado é uma escolha e este caminho sempre nos conduzirá a dor ao sofrimento, a morte.

Foi assim com Israel, o pecado foi o causador do grande sofrimento que sobreveio a este povo. A bíblia nos fala que rei Jeocaz reinou sobre Israel por dezessete anos e durante este tempo fez o que era mal levando o povo pecar contra o Senhor Deus. 
A atitude do rei e do povo de Israel acendeu a ira do Senhor Deus que os entregou nas mãos de Ben-Hadade rei da Síria o qual não poupou em nada o povo de Israel, mas ao contrário oprimiu de forma tão violenta que o rei Jeoacaz diante de tanto tormento orou, suplicou ao Senhor que ouviu o clamor e  compadeceu deles usando de misericórdia com povo de Israel mandando um salvador que os livrou das mãos dos síros e fez com que povo de Israel habitasse em lares e tivesse a vida em paz como antes.

Não há um justo sobre a terra que não erre, que não peque e assim como aquele povo nós também pecamos e por conta de nossos pecados fomos afastados de Deus e acabamos oprimidos na mão do inimigo condenados a passar a eternidade longe do nosso Criador, mas o amor de Deus por nós é  imenso que Ele enviou Seu Filho para nos salvar. “Ela dará à luz um filho e lhe porás o nome de Jesus, porque ele salvará o seu povo dos pecados deles” ¹.

Jesus o nosso salvador, Aquele que morreu por nós, que nos libertou do império das trevas² e nos transportou para seu reino, para o Seu amor e nos deu a chance de nos tornarmos novamente filhos de Deus. Quem faria algo assim por nós? Quem? Jesus fez.

E é por isso, por tudo que Jesus fez por nós que devemos fugir do pecado, pois o pecado entristece a Deus e o nos afasta de Sua presença.
Temos que viver para glória de Deus, para agrada-lO, por isso, viva a palavra, fuja do pecado, entregue a sua vida a Jesus, faça-o seu Único Senhor e Salvador e herdará a vida eterna.
Só Jesus é o caminho e neste caminho podemos e devemos trilhar.







_______________________
¹ Mateus 1.22
² Colossenses 1.13




Quando oro Deus responde

Por este menino orava eu, e o Senhor me concedeu
a petição que eu lhe fizera.
I Samuel 1.27


Jesus nos ensinou que tudo quanto pedimos em oração crendo receberemos. A oração é como uma chave que tem poder para abrir os céus e nos fazer entrar na sala do trono na presença do Pai  que está lá esperando por cada um de nós “ansioso” para ouvir a nossa voz e atento a nossa oração e disposto a responder cada uma de nossas súplicas.

A vida de Ana é exemplo disto de que Deus ouve as nossas súplicas, atento a oração que sai do nosso coração.
Ana tinha o sonho de ser mãe, mas não podia realizar, pois era estéril e a sua esterilidade era motivo de deboche por parte de Penina. Penina era a outra mulher de Elcana marido de Ana e cultivava por ela raiva, inveja e ciúme, pois Penina sabia que seu marido amava muito Ana mesmo ela não dando a ele filhos e por este motivo Penina provocava Ana incansavelmente e Ana sempre caia em suas provocações.
Como de costume Elcana e suas mulheres e filhos subiam ao templo uma vez ao ano para adorar e sacrificar ao Senhor e ao chegar no templo Penina provocava Ana  que ficava muito triste a ponto de nem querer se alimentar e quem dirá orar, mas desta vez Ana decidiu mudar sua história e ao invés de ficar só a chorar ela se levantou e orou derramou sua alma diante do Senhor e Ele ouviu e atendeu o seu clamor e o que era motivo de choro, de provocação e vergonha tornou-se motivo de alegria e honra e Ana de estéril tornou-se mãe de filhos.

E assim como Ana nós também temos sonhos projetos e por eles oramos buscamos em Deus a realização, mas há momento em que parece que as nossas orações não estão sendo ouvidos, parece que nada está acontecendo, pois não vemos mudanças da situação, os nossos sonhos continuam ainda sendo sonhos.
Mas a verdade é que quando oramos Deus responde, Deus nos ama e está atento ao nosso clamor e no tempo dEle tudo irá acontecer, só precisamos manter viva a fé e não desanimar diante da espera, mas perseverar até o fim confiando, pois na hora certa o milagre acontecerá.

A nossa oração moverá a mão de Deus em nosso favor e tudo aquilo que parece impossível se tornará real, por isso, creia, ore,rasgue o céu com seu clamor e prepare-se para viver grandes milagres.







Olhos nos olhos

Então, voltando-se o Senhor, fixou os olhos em Pedro, e
 Pedro se lembrou da palavra do Senhor [...].
Lucas 22.61


Não há quem olhe para Jesus que não passe a se enxergar. O olhar de Jesus tem poder para penetra no mais profundo do nosso ser (alma) e nos faz ver além dos que os nossos olhos podem alcançar.

Com Pedro foi assim, a bíblia nos fala que Jesus havia sido preso e levado para casa do sumo sacerdote para ser interrogado. Pedro acompanhava Jesus de longe, pois não queria abandonar o Mestre, mas ao mesmo tempo em que não queria abandonar temia ser reconhecido por todos e acabar preso junto com Jesus.
 Pedro permaneceu ali “escondidinho” no pátio esperando para ver o que iria acontecer com Jesus, mas em um dado momento da espera Pedro foi reconhecido por uma criada que ao vê-lo dizia em voz alta que Pedro era um dos discípulos, que era um dos que seguia Jesus, mas Pedro apavorado temendo o pior dizia não conhecer Jesus.
Por três vezes Pedro negou Jesus e na terceira vez Jesus ao ouvir Pedro falar fixou os olhos nele e foi então quando os olhos de Jesus se encontraram com olhos de Pedro que a ficha caiu e Pedro viu a grande besteira que havia feito, pois se lembrou das palavras que Jesus já lhe havia dito que ele o negaria e então Pedro totalmente “destruído”, arrependido de toda alma saí da presença de Jesus chorando amargamente.

O olhar de Jesus é forte como um farol que tem poder para iluminar a mais densa treva escondida em nosso ser e assim como Pedro iluminados pelo olhar amoroso de Jesus passamos a enxergar o quanto erramos, o quanto somos cheios de defeitos e falhas, o quanto somos limitados, pecadores e o quanto necessitamos do perdão, da misericórdia e do amor de Deus.

No mundo só encontramos olhar de indiferença, desprezo, reprovação, mas em Jesus não, mesmo nós tendo errado Ele nos ama e no Seu olhar encontraremos sempre perdão para nossos pecados.

Por isso, não devemos olhar para o mundo e nem para nossos erros e falhas, mas sim, voltar os nossos olhos para Jesus, pois quando os nosso olhos se cruzar com os dEle compreenderemos que Ele é tudo que precisamos e que só nEle encontraremos salvação.

Por isso, olhe para Jesus, deixe o Seu olhar de amor arrebatar o seu coração e transformar a sua vida.










Alcançando a promessa

Nenhuma  promessa falhou de todas as boas palavras que o Senhor 
falara à cada de Israel, tudo se cumpriu.
Josué 21.45


Deus não mente e nem se arrepende do que fala, Ele é fiel e aconteça o que acontecer permanecerá fiel, por isso, podemos confiar em Sua palavra.

Josué é um exemplo de confiança em Deus, pois ele esperou por quarenta anos para ver cumprida a promessa do Senhor em sua vida, mas como nada na vida é fácil para Josué ver cumprimento desta promessa ele teve que guerrear, atravessar rio, derrubar muralhas, mas em todas estas coisas foi vitorioso, pois Deus estava com ele e lhe dava vitória.
Durante esses quarenta anos muitas foram às situações que vieram para abalar a fé de Josué, mas ele permaneceu firme no Senhor e cheio de fé exortava o povo a confiar no Senhor dizendo “nem uma só promessa caiu de todas as boas palavras que  falou o Senhor“, Josué sabia quem era Deus e sabia que podia confiar e por isso, por perseverar em seguir e obedecer ao Senhor ele entrou na terra prometida, tomou posse da benção e assim também será com cada um de nós se perseverarmos em seguir e obedecer ao Senhor.

Na vida tudo tem o tempo certo para acontecer e com Deus também é assim. Muitas são as promessas de Deus para nós, mas o cumprimento desta promessa acontecerá no tempo de Deus e não no nosso tempo.
Esperar não é fácil e muitas vezes o tempo se torna um vilão contra nossa fé, pois durante a espera muitas serão as situações que conspiraram para que venhamos a desistir, murmurar, mas a fé em Deus nos ensina que não importa o tempo, as dificuldades, pois nada impedirá de Deus agir em nossa vida.
E é nos espelhando em Josué e em sua fé e perseverança que devemos seguir, pois muitas são as promessas que o Senhor tem para nós e maior de todas é a nossa salvação e é por ela que devemos viver.Sabemos que não será fácil atingir nosso objetivo, mas não estamos sozinhos temos o amigo Espírito Santo nos ajudando em todas as coisas.

Por isso, não importa se iremos passar por lutas, se teremos que pela fé derrubar muralhas, atravessar jordões nada deve tirar nosso coração do foco que é a nossa salvação que é Jesus.
Devemos nos manter firme no Senhor e jamais desistir diante das dificuldades, pois tudo que passarmos aqui não será nada diante do nosso Deus e quando estivermos lá com Ele veremos o quanto valeu a pena permanecer no Seu amor.











Não espere a chuva chegar

Lembra-te do teu Criador nos dias da tua mocidade.
Antes que venham os maus dias, e cheguem os anos
dos quais dirás não tenho neles prazer.
Eclesiastes 12.1


Um casal morava em uma casa que tinha uma goteira e toda vez que chovia a mulher se dirigia ao marido e pedia para que ele resolvesse aquele problema. Ele sempre respondia que não seria possível consertar no momento, pois estava chovendo e o conserto deveria ser feito por fora da casa.
Num belo domingo de sol a esposa lembrou-se da goteira e disse ao marido: "Meu bem, porque você não aproveita este dia de sol e conserta aquela goteira?" Ele respondeu: Ah, amor consertar a goteira?Mas justo hoje em que o dia está lindo eu vou perder o dia arrumando goteira.

Esta ilustração mostra uma grande verdade que muitas pessoas não querem “perder tempo” em “consertar”  e quando a chuva vem elas se desesperam e lembram que a goteira ainda está ali. Assim também é com Deus muitos não querem “perder seu tempo” com Ele, pois acham que ir para Seus caminhos é desperdício e que a vida deve ser aproveitada e que só devemos buscar a Deus quando estamos passando por problemas quando estamos na pior.Infelizmente muitos pensam assim.

A bíblia nos fala de um jovem assim que só se lembrou do pai quando estava na pior. Ele era o filho prodigo¹ um jovem cheio de vida e saúde que vivia na companhia de sua família e tinha tudo de melhor, mas mesmo tendo uma vida boa ele não estava satisfeito em morar com seus pais, pois provavelmente por morar com os pais ele tinha que andar na linha, seguir regras, obedecer.
Este jovem não estava preocupado com princípios e nem com o seus pais ele só queria mesmo era viver a vida da forma que lhe agradasse e por isto ele resolveu seguir para uma terra distante pede para seu pai a sua parte na herança e segue. Este jovem perdeu tudo que tinha e só quando estava no fundo do poço sem ter ao menos um prato de comida para comer que ele se lembrou do pai e de como a vida era boa ao seu lado e arrependido decidir voltar.

Esta história ainda se repete em nossos dias, pois há muitos que só se lembra do Pai (Deus) quando o sapato aperta, quando estão cheio de problemas, quando não tem mais esperança sua situação e nem consolo para suas dores aflições.
Mas Deus é um Deus de amor e assim como aquele pai acolheu o filho Deus acolhe a todos nós. Deus não nos julga nem nos condena e mesmo nós tendo errado feito coisas que O entristecem o Seu perdão e amor sempre nos alcança e dos nossos pecados Ele nem se lembra mais.
Somente um Deus como nosso Deus pode fazer isso por nós, só mesmo um Deus que entregou Sua vida para nos salvar é capaz de nos amar assim.

Por isso, não espere a chuva chegar para arrumar a goteira, ou seja, não espere o dia mal chegar para ir para caminhos dos Senhor, entregue hoje a sua vida à Jesus e desfrute da paz e da vida abundante que só Ele pode dar.  



______________

¹ Lucas 15.11

Deus nos fartará

Donde poderá alguém fartá-los de pão neste deserto?
Marcos 8.4

Muitas vezes nos vemos em situações tão difíceis que chegamos a nos questionar como será que sairemos desta situação. Será que a mesmo jeito, pois tudo parece insolucionável. Mas Deus é um Deus de soluções e com Ele podemos contar.

A bíblia nos fala que Jesus e seus discípulos estavam no deserto e diante dos olhos dos discípulos eles estavam em meio a uma situação difícil e que não havia jeito de se resolver.
Uma grande multidão estava com eles já há três dias, ouvindo Jesus falar sobre o reino dos céus e ao fim destes três dias não havia mais comida para alimentar a multidão. Jesus sabendo disto ficou “preocupado” com o povo, pois sabia que não podia despedi-los sem alimenta-lo, pois eles desfaleceriam pelo deserto.
Então Jesus chamou seus discípulos e contou sobre sua preocupação, mas os discípulos sem visão espiritual disseram a Jesus quem poderá fartá-los neste deserto?Quem poderá?
Os discípulos olharam para situação como os olhos humanos e esqueceram-se do que Jesus já havia feito em outra ocasião.
Jesus diante da falta de fé do seus discípulos ordenou que o povo sentasse no chão pegou os únicos pães que tinha deu graças e o milagre aconteceu com apenas sete pães alimentou mais de quatro mil pessoas todos comeram até se fartar e ainda sobraram sete cestos cheios de pães.

Assim como os discípulos há muitos que olham para nossa vida, para nossos problemas e aflições e perguntam:Quem poderá te ajudar? Quem poderá te socorrer?Onde está o seu Deus?
Pior que ter problemas é não ter fé em Deus e muitos dizem isto porque assim como os discípulos olham tudo com olhos humanos e não creem que Deus tem poder para solucionar cada um dos nossos problemas, para curar as nossas doenças, para saciar a nossa sede, matar a nossa fome.Mas sabemos que Deus tudo pode, não há impossíveis, dificuldade, desertos, pois até o deserto Ele transforma em manancial.

Por isso, quando estivermos frente as adversidades da vida nunca duvide de Deus, nem olhe para os problemas com olhos humanos, mas tenha fé, creia, pois não importa as circunstâncias que estejamos vivendo se estamos em meio ao deserto ou em um vale se temos Deus conosco não há o que temer.
Deus nos fartará mesmo em meio ao desertos da vida, portanto creia nEle, espere nEle, confie nEle!






Ouça a voz de Deus

Então, disse Joabe: Multiplique o Senhor, teu Deus, a este povo cem vezes mais
 Porventura, ó rei, meu senhor, não são todos servos de meu senhor?
Por que requer isso o meu senhor? Por que trazer, assim, culpa sobre Israel?
I Cr 21.3


 Deus não muda Ele é o mesmo ontem e hoje e assim como falou no passado Ele também fala em nossos dias sempre nos ensinando, exortando e nos aconselhando para que não venhamos a errar e sofrer por nossos erros.

A bíblia nos fala que o Senhor Deus através da vida de Joabe falou a Davi aconselhando a não agir imprudentemente, mas Davi não lhe deu ouvidos, não percebeu que era Deus que estava falando com ele.
Davi era um homem segundo coração de Deus, que andava nos caminhos do Senhor, mas por vacilo não vigiou e se deixou guiar pelo mal, Satanás colocou em seu coração o desejo de levantar o censo para saber quantos soldados o exército de Israel poderia contar.
Davi foi até Joabe e deu a ordem que desde Berseba até Dã levantasse o censo. Joabe ao ouvir estas palavras disse a Davi que tal atitude era um erro que não importava o número de soldados, pois Deus era com eles e mesmo que houvesse poucos homens se preciso fosse Deus multiplicaria-os. Joabe conhecia o Senhor dos Exércitos e sabia de tudo que Ele sempre fez por eles.
Deus através da boca de Joabe estava alertando Davi sobre grande erro que iria cometer, mas Davi estava totalmente cego e surdo (espiritualmente) e não deu ouvido a Joabe, ou melhor, a Deus e por isto sofreu, pois sua atitude não passou em branco e Deus enviou até ele o vidente Gade com recado dizendo que castigo viria, mas Deus é tão bom que ainda usou de misericórdia com Davi deixando-o escolher qual punição sofreria.

Quando não damos ouvidos a Deus, quando decidimos não obedecer por certo não iremos colher bons frutos. Na vida é assim não há nada que façamos que não teremos que arcar com as consequência e é por esta razão devemos sempre agir de maneira correta dentro dos princípios de Deus, pois nada passa desapercebido aos olhos de Deus e cada um de nós colherá segundo o seu proceder.

Davi errou, agiu como um teimoso quando não deu ouvido a Joabe que por sua vez só estava sendo um instrumento nas mãos de Deus para alerta-lo. E assim como Davi nós também agimos deixamos de dar ouvidos ao Senhor, deixamos de seguir Seus conselhos e acabamos fazendo aquilo que achamos ser o certo. Mas a verdade é que somos como crianças e não sabemos andar sozinhos sem a mão do Senhor para nos ajudar, sem a Sua voz a nos guiar e sem Seus conselhos por certo pereceremos.

Aprendemos com a atitude de Davi que devemos estar sempre vigilantes e não dar ouvidos a Satanás, pois muitas vozes a no mundo, mas uma só voz devemos ouvir e obedecer e essa voz é a voz de Deus. 
Por isso, esteja atento a voz do Senhor, pois nem sempre Deus falará como voz de muitas águas e som de trovão, mas como um cicio suave.
Portanto esteja atento aprenda a ouvir a voz de Deus.





O dinheiro não pode comprar

Olhai para os lírios do campo, como eles crescem; não trabalham nem fiam;
E eu vos digo que nem mesmo Salomão, em toda a sua glória,
 se vestiu como qualquer deles.
Lucas 12.27


Nem tudo que tem valor pode ser comprado com dinheiro, há coisas tão valiosas que nem todo dinheiro do mundo é capaz de comprar.

A bíblia nos fala de Salomão ele era homem muito rico e poderoso.Salomão era filho do rei Davi e foi  por suas mãos o templo do Senhor foi edificado.Salomão foi um homem de muita sabedoria e por esta razão sua fama correu mundo a fora e houve até quem  viesse de longe só para ouvi-lo, para ver com os próprios olhos aquele quem todos falavam.
Salomão era rei e como rei tinha autoridade poder e riqueza, mas mesmo Salomão com tudo isto não pode ter a beleza que Deus deu aos lírios, Salomão como toda sua riqueza não pode fazer para si vestes tão lindas como os lírios do campo.Foi Jesus que nos disse isto e Ele nos disse para nos ensinar que nem tudo nesta vida o dinheiro é capaz de comprar e muito mais valorosas que as coisas materiais são as celestiais, estas sim são os verdadeiro tesouros.

Jesus nos ensinou a não ajuntar tesouro na terra a não nos preocuparmos com as coisas deste mundo, nem colocar nosso coração nas coisas materiais. Jesus nos ensinou que devemos buscar a Deus, confiar n’Ele, pois muito maior que ter as coisas deste mundo é Ele é herdar o Seu reino, ganhar a salvação e estas coisas não se compram com ouro prata e nem toda riqueza do mundo, somente Jesus pode nos dar e só por meio dEle é que conseguiremos entrar no céu.

Assim como Salomão podemos alcançar aqui neste mundo boa posição social, ter fama prestigio poder e até riqueza, mas sem não tivermos Deus nada disso tem  importância, pois  há coisas que só Deus pode fazer, há coisas que só Ele pode nos dar e é por isso, que não devemos nos preocupar em ajuntar tesouro na terra, nem trabalhar para coisas que perecem, mas devemos viver para Senhor busca-lo com todo coração, ter uma vida a Seus pés, fazendo de Jesus o nosso Salvador, pois ai sim teremos uma riqueza incalculável um verdadeiro tesouro não aqui onde ladrão rouba e a traça corroí, mas lá  no céu.







Livre

Vendo-a Jesus, chamou-a e disse-lhe: Mulher, estas livre da tua enfermidade.
E, impondo-lhe as mãos, ela imediatamente se endireitou e dava glória a Deus.
Lucas 13.12.13


Ao toque de Jesus muitos foram curados, libertos e salvos, não há nada e nem ninguém que possa resistir ao toque de Jesus,não há nada e nem ninguém que permaneça da mesma maneira após ser tocado por Jesus.

A bíblia nos fala de uma mulher que recebeu de Jesus o toque de libertação e a partir deste toque a sua história foi mudada. Esta mulher era serva de Deus filha de Abraão e estava cativa nas mãos do mal possessa à dezoito anos por um espírito de enfermidade que lhe deixou por encurvada sem poder ao menos se endireitar, levantar a cabeça.
Esta mulher sofreu e não havia nada que a medicina pudesse fazer para cura-la, pois o seu problema embora afetasse o físico era de origem espiritual e somente uma intervenção divina poderia tira-la desta triste situação. Esta mulher viveu anos de humilhação, vergonha e dor, mas mesmo vivendo este drama ela não perdeu a fé, não deixou de buscar a Deus e mesmo com dificuldade para caminhar ela ia sempre à sinagoga e em uma dessas idas ela encontrou Jesus e Ele ao vê-la nestas condições se compadeceu e disse mulher seja livre desta enfermidade e a tocou e ela imediatamente ficou curada, totalmente livre do mal.

Assim como esta mulher há muitos em nossos dias sendo escravizados por Satanás, aprisionados não em grades nem presos em cordas e laços, mas aprisionados ao pecado, aprisionados sentimentos ruins como a magoa o ódio e o rancor, aprisionados ao passado, a traumas.
Há muitos em nossos dias que estão encurvados diante da miséria, da vergonha, da humilhação.Encurvados diante das dificuldades da vida arrastando como correntes de um lado para outro os problemas, as dores.
Mas assim como Jesus mudou a história desta mulher Ele também  mudará a nossa história.Jesus quer nos tocar e nos libertar de tudo que nos causa mal, nos libertar de todo sofrimento e dor, de toda vergonha e humilhação, pois estas coisas são como as mais fortes grades que nos aprisiona e impede de vivermos a vida abundante que Jesus tem para cada um de nós.

Por isso, temos que entregar nossa vida a Jesus, depositar a Seus pés todos os problemas e aflições e deixar Ele nos tocar, nos libertar de tudo que nos aflige, porque se Ele nos libertar, verdadeiramente seremos livres¹.





__________
¹ joão 8.36


Preparados para batalha

Tomou o seu cajado na mão, e escolheu para si cinco pedras lisas do ribeiro,
e as pôs no alforje de pastor que trazia, a saber, no surrão e
 lançando mão da sua funda foi-se  chegando ao filisteu.
 I Samuel 17.40

A vida tem suas lutas e dia a dia desafios são postos diante de nós e como bons guerreiro devemos estar preparados para o que preciso for.

A bíblia nos fala de um jovem guerreiro chamado Davi, ele era o menor da casa de seu pai, mas era grande em coragem, ousadia e fé. Davi tinha outros irmãos e os três mais velhos eram homens de guerra, já Davi o desprezado trabalhava apascentando as ovelhas de seu pai. Davi não era bem visto pelos seus, mas Davi era muito amado por Deus, Deus o conhecia sabia do potencial, das suas qualidades e principalmente de seu coração e por esta razão Deus o exaltou, fez rei de Israel, mas até que Davi subisse ao trono Davi teve que enfrentar grandes desafios.
A bíblia nos fala que o gigante Golias afrontou o exército de Israel dizendo que não havia um homem que pudesse pelejar contra ele. O rei Saul e todo Israel ao ouvirem esta palavra temeram muito, pois não havia um homem no exército com coragem que se arriscasse a lutar contra Golias.
Neste mesmo tempo Davi a pedido de seu pai vai até o seus irmãos levar suprimentos e ao chegar lá Davi viu a afronta que Golias fazia e não se intimidou e se propôs a pelejar contra ele, mas ninguém dava crédito a Davi, pois para eles Davi era apenas um jovem sem experiências, mas embora Davi fosse jovem ele tinha experiência, pois quando estava cuidando das ovelhas enfrentou “sozinho”(com Deus) desafios piores e cheio de coragem e fé Davi vai para luta tomando para si cinco pedras apanhadas no ribeiro e com esta arma que Davi enfrentou e venceu o gigante Golias.

Assim como Davi também enfrentamos grandes lutas e como ele enfrentamos muitas vezes sozinhos, sem ao menos uma ajuda, uma mão estendida em nosso favor, só nós e Deus.Deus é tudo que temos e só nEle podemos contar e é por isso que temos que estar firmes nEle e encher o nosso alforje (nosso coração) com as pedras.

As pedras são as armas espirituais e só conseguimos estas pedras buscando no ribeiro, ou seja, na fonte que é Deus através da oração, louvor, jejum, leitura da Palavra, nos santificando, pois assim quando os gigantes surgirem teremos “pedra no alforje” para derrota-los, pois os gigantes não são vencidos pela força do nosso braço, mas pelo Poder de Deus.

Por isso, prepare-se para batalha, encha o seu alforje, busque o Senhor, faça dEle a sua força,seu escudo, o seu único Salvador. 






Sentindo na pele

Eis que tens ensinado a muitos e tens fortalecido mãos fracas.
As tuas palavras têm sustentado aos que tropeçavam;
e os joelhos vacilantes tens fortificado.
Mas agora, em chegando a tua vez, tu te enfadas;
sendo tu atingido, te perturbas.
Porventura, não é o teu temor de Deus aquilo que confias,
e a tua esperança, a retidão do teus caminhos?
Jó 4.3.6
 

É muito fácil cobrar do outro atitude que achamos ser correta. É muito fácil dizer que confiamos em Deus, que permaneceremos firme nEle, mas muito mais que palavra são as atitudes e aprendemos com Deus que não adianta falar tenho agir de acordo com que falo tenho que ser exemplo.

A bíblia nos fala de Jó, ele que foi um homem de bem reto integro diante de Deus e dos homens. Jó era um exemplo de homem de Deus de fé, pois vivia de acordo com as leis e sempre tinha uma palavra de fé de encorajamento a alguém precisava. Mas a bíblia nos fala que Jó foi provado, ele perdeu tudo, dinheiro, família, saúde. Jó viu bem de perto o que é padecer, sentiu na pele o que é sofrimento e diante de sua terrível situação houve momentos em que Jó perturbou-se, sua fé se abalou e até pediu para si a morte e aquele homem de fé confiante que encorajava a muitos parecia não existir mais.
Elifaz amigo de Jó diante da situação exortou  Jó dizendo você que sempre foi exemplo a todos que sempre tinha uma palavra de fé ao desesperançado e agora que estas passando pelo dia mal sentindo na própria pele o que é sofrer está entregando os pontos, deixando de confiar que Deus o livrará, mas não era Deus a tua esperança?

Por que será que quando as coisas acontecem com a gente parece tudo ser mais difícil do que quando acontece com o outro.
Enfrentar dificuldades, passar por dores e sofrimentos não é fácil. O dia mal vem para todos nós e assim como Jó quando estamos em meio a estes momentos difíceis, nos perturbamos e até a nossa fé parecer perecer e nos vemos fracos, desanimados e em alguns momentos até no sentimos esquecidos por Deus, mas é nesta hora de dor e sofrimento que devemos nos lembrar do que fez Elifaz a Jó e procurar trazer em nossa memória que Jesus é a nossa esperança, Ele é a nossa salvação e não podemos entregar os pontos.

Jesus sentiu o que é sofrer, Ele sentiu na pele a minha dor, a minha humilhação. Ele se colocou em meu lugar, se fez maldito, rejeitado, desprezado para que hoje fossemos salvos.
E é por isso que devemos tirar os nossos olhos da nossa situação, do nosso sofrimento, da luta, e olhar para cruz para Jesus, pois quando olhamos para Ele e tentamos nos colocarmos em seu lugar vemos que por maior que seja nossa dor, nossa luta ela não é nada comparado o que Jesus sentiu, a tudo que Ele passou para dar-me salvação.

Por isso, não podemos esmorecer, nem perder a fé, nem permitir que as dores nos afastem de Deus, mas temos que confiar nEle até o fim, pois Ele agirá em nosso favor. Ele cessará o nosso choro, curará a nossa dor e nos conduzirá a Seu descanso. Deus é fiel e nEle podemos por toda nossa esperança.







Não abra mão de estar com Deus

Daniel, pois quando soube que a escritura estava assinada entrou em sua casa
e, em cima, no seu quarto, onde havia janelas abertas do lado de Jerusalém,
três vez por dias, se punha de joelhos, e orava, e dava graças
 diante do seu Deus, como costumava fazer.
Daniel 6.10

  
Colocar a Deus acima de tudo, ter uma vida de entrega, de oração é o que todos nós devemos ter. A bíblia nos mostra vários exemplos de pessoas de fé, de pessoas verdadeiramente comprometidas com Deus que tinham uma vida de oração, de entrega e comunhão com Deus.

Daniel é um deste exemplo, ele era um homem reto íntegro diante de Deus e dos homens não havia nada na conduta nem no caráter de Daniel que o desonrasse. Daniel era um homem de bem incorruptível e por ser assim desagradou os demais companheiros a ponto deles armarem uma cilada contra ele convencendo o rei a fazer um decreto que proibia qualquer pessoa pedir algo a alguém, ou a um deus, somente ao rei deveriam fazer petições e caso alguém desobedecesse pena seria lançado na cova dos leões.

Daniel era um homem de fé que todos os dias buscavam a Deus em oração e adoração e todos sabiam da fé de Daniel e por este motivo com intuito de acusar Daniel eles armam esta cilada, pois sabiam que Daniel jamais se dobraria a uma ordem como esta e foi exatamente isto que aconteceu Daniel não temeu ao homem e fez questão de mostrar a todos que não iria abrir mão de estar com Deus mesmo que isso lhe custasse à vida e como de costume ele três vezes ao dia ia para seu quarto e com as janelas abertas se punha de joelhos e orava a Deus.
Daniel manteve-se fiel a Deus e em nenhum momento deixou de buscar, de orar, adorar como sempre o fez e como resultado de uma vida de fidelidade comunhão com Deus Daniel foi salvo, escapou sem nenhum dano algum da cova dos leões.

Em nossa vida, no dia a dia muitas são as situações que surgem para que não venhamos a ter  uma vida de intimidade de comunhão com Deus. Ora são os problemas,as dificuldades e até o próprio mal trabalha incansavelmente para que venhamos a romper com Deus, para que venhamos perder a comunhão deixa-lo de buscar, de adorar, pois o inimigo sabe que só conseguirá nos derrotar se estivermos longe de Deus e por isso ele incansavelmente arma cilada, procura de todas as formas nos desmotivar nos fazer desistir de ter uma vida de intimidade, de oração, de entrega a Deus.
Mas não podemos cair nas armadilhas do mal temos que agir como Daniel colocar Deus acima de tudo e jamais abrir mão de estar com Ele.

A vida de Daniel nos encoraja a firmarmos nossa vida no Senhor  mesmo diante das piores ameaças, diante das situações mais difíceis não recuar, nem temer e em hipótese alguma abrir mão de estar com Deus, pois tudo aqui passa, reinos passarão, poder acabará, mas o nosso Deus é eterno e para sempre permanecerá, por isso não abra mão de estar com Deus, de viver em Sua presença aqui neste mundo e na eternidade.




Não se omita

Porque, se de todo te calares agora, de outra parte se levantará para os
 judeus socorro e livramento, mas tu e a casa de teu pai perecereis e quem
sabe se não foi para conjuntura como esta é que fostes elevada a rainha?
Ester 4.14


Nada em nossa vida acontece por acaso, acaso não existe, tudo que acontece neste mundo e em nossas vidas  Deus está no controle não há nada que escape da mão do Todo Poderoso e não há nada que Ele tenha feito que não tenha um propósito maior. A vida da rainha Ester é exemplo disto de que Deus muitas vezes faz algo em nossa vida visando algo maior.

A bíblia nos fala que Ester era uma jovem órfã temente a Deus que se tornou rainha com único objetivo interceder ao rei pelos judeus e assim salvar seu povo.
 O rei Assuero era casado com a rainha Vasti, mas Vasti não obedeceu à ordem do rei recusando-se a ter com ele quando chamada e por isto foi rejeitada pelo rei e diante disto o rei levantou um edital convocando moças formosas para que ele escolhesse uma para colocar no lugar de Vasti e Ester por ser bonita foi levada para concorrer com as demais.
Ester achou graça diante do rei e ai começa a missão de Ester, pois não foi por acaso que ela tornou-se rainha da persa. Ester tinha uma missão e foi para este fim que Deus a levantou, pois Hamã  queria exterminar todos os judeus, pois odiava Mordecai, pois este não se inclinava diante de Hamã e Mordecai  sabendo dos planos dele fez chegar até os ouvidos de Ester os planos de Hamã e  Ester mesmo sabendo que poderia sofrer as consequências, pois a lei dos medos e persas não permitia que a rainha se chegasse diante do rei se não fosse convidada e mesmo com medo Ester não se omitiu e decidiu que iria falar com rei preparou um banquete e teve com  o rei e intercedeu pelo seu povo.

A vida de Ester nos ensina que não podemos deixar que o medo nos paralise e que não podemos nos omitir, pois temos a missão de pregar Jesus e falar do amor de Deus para que os perdidos possam ser alcançados e salvos.

Deus chamou cada um de nós para um fim e Ele sabe exatamente onde cada um de nós deve estar. Não é por acaso que nascemos onde nascemos, que moramos e onde moramos que temos a família, amigos que temos. Nada é por acaso tudo tem um propósito maior, Deus sabe o que faz e se Ele nos colocou nestes lugares é porque Ele quer que sejamos a luz nas trevas que sejamos instrumentos em Suas mãos.

Por isso, não se omita, não temas, confie em Deus, se coloque a disposição e deixe Ele te usar.





Guarde bem o seu tesouro

Ezequias se agradou dos mensageiros e lhe mostrou toda a casa do seu tesouro,
a prata, o ouro, as especiarias, os óleos finos, o seu arsenal e tudo quanto se
achava nos seus tesouros, nenhuma coisa houve, nem em sua casa,
nem em todo o seu domínio que Ezequias não lhe mostrasse.
II Reis 20.13


O que muito abre os lábios a si mesmo se arruína¹ assim diz e palavra e foi exatamente isto que aconteceu com o rei Ezequias. A bíblia fala que ele falou demais e a sua descendência pagou bem caro por isto.
O rei Ezequias adoeceu e a noticia de sua doença espalhou até chegar a um reino distante,a Babilônia. O rei da Babilônia ao saber do estado de saúde de Ezequias enviou mensageiros com carta e presentes como gesto de solidariedade.
Chegando os mensageiros até o rei Ezequias este recebeu com muito agrado e por inocência ou vaidade o rei Ezequias mostrou a estes estranhos tudo que tinha em seu reino, todo seu tesouro, suas riquezas, seu arsenal, não houve coisa alguma que Ezequias não tenha mostrado. Mas este ato de Ezequias não passou em desapercebidos aos olhos do Senhor e o Senhor Deus enviou o profeta Isaías até ele com recado dizendo que haveria dia em que tudo quanto há em tua casa seria levado para Babilônia e até seus filhos seriam eunucos no reino da babilônia. O tempo passou e a promessa do Senhor se cumpriu e no reinado de Joaquim filho de Ezequias Nabucodonosor rei da Babilônia veio contra ele e levou tudo quanto ele tinha para a Babilônia.

Todos nós temos nossos tesouros, nossas riquezas e nem sempre estas riquezas se referem a dinheiro ou bens materiais, mas há coisa em nossas vidas como princípios, caráter, família, nossa vida com Deus são muito mais valiosas que o ouro e a prata e são estas riquezas que devemos guardar com toda segurança.
A bíblia nos fala que o ladrão² (diabo) veio roubar, matar e destruir e é por isto que devemos ser prudentes e jamais expor a nossa vida, abrir nosso coração a nossa intimidade para qualquer  pessoa, pois se assim fizermos estamos correndo grande risco de ter nossa intimidade invadida, nosso coração ferido, nossa vida destruída, pois nem todos são dignos de confiança e muitas vezes o inimigo usará destas pessoas para nos atingir.
 Temos que ser simples como a pomba³, mas prudentes como a serpente, em outras palavras, devemos confiar desconfiando, nos preservar, nos resguardar, pois só há Um no qual podemos confiar plenamente e a Ele devemos desnudar a nossa alma, contar todos os nossos segredos abrir o nosso coração este é o Senhor Jesus.

Aprendemos com a vida do rei Ezequias que devemos preservar aquilo que temos de maior valor, por isso, não fale demais, não mostre seu tesouro.Afinal, o silêncio é um amigo que nunca trai!








___________________
¹ provérbio 13.3
² João 10.10
³mateus 10.16




Ao menos tente

Quatro homens leprosos estavam à entrada da portam, os quais disseram
 uns aos outros: Para que estaremos nós aqui sentados até morreremos?
Se dissermos: entremos na cidade, há fome na cidade, e morreremos lá,
se ficarmos sentados aqui, também morreremos.
Vamos, pois agora, e demos conosco no arraial dos siros, se
nos deixarem viver, viveremos,se nos matarem, tão somente morreremos.
2 reis 7.3.4

A vida não é feita só de momentos felizes, os momentos não felizes existem e quando eles surgem muita vezes é mais aceitar e até nos acomodar com ruim, do que arregaçar as mangas e agir de modo a reverter a situação.

A bíblia nos fala que na cidade de Samaria havia grande fome e junto à porta da cidade estava quatros leprosos que não tinha esperança, uma saída para sua situação, pois eles não podiam entrar na cidade porque eram leprosos e mesmo se entrasse na cidade de nada adiantaria, pois não havia comida nem para habitantes da cidade e nem para eles para e então diante desta triste realidade o único jeito era se conformar com a situação e esperar a morte.
Mas estes homens mesmo diante desta realidade não se conformaram e conversam entre si disseram se ficarmos sentados aqui  morreremos, se entrarmos na cidade morreremos, vamos ao menos tentar, vamos para o arraial dos siros. E assim fizeram ao anoitecer se dirigiram ao arraial e chegando lá viram que não havia ninguém porque o Senhor fez com que todos os siros fugissem com medo deixando tudo que era seu para trás e então este leprosos entram no arraial comeram beberam tomaram para si veste prata ouro e voltaram até porta da cidade e contaram   aos moradores de Samaria as boas novas.
Estes homens estavam condenados à morte, mas mesmo diante de tão triste situação não se e conformaram, mas agiram e mudaram a sua sorte.

E assim como eles devemos ser,não podemos desistir sem lutar, não devemos entrar em uma guerra como se fossemos perdedor, temos que entrar na lutar para ganhar, confiando que Deus nos dará saída, a solução, o escape, a vitória, o milagre.
Não podemos nos acomodar diante das situações ruins da vida, mas temos que agir de modo a mudar a situação e a mudança começa em nós, em não nos conformarmos em nem aceitar que tudo de ruim que nos acontece é “destino” ou a vontade de Deus, pois a bíblia nos fala que a vontade de Deus é perfeita boa e agradável, portanto tudo que não seja perfeito, bom e agradável não pode ser aceito em nossa vida como algo de Deus.
 Não podemos nos conformar com o mal, nem aceitar o ruim, temos que reagir lutar, mudar aquilo que não nos agrada e isso só nós podemos fazer por nós.

Portanto nunca entregue os pontos diante das adversidades da vida, nunca desista sem ao menos tentar, pois perdedor não é somente aquele que perder, mas maior perdedor é aquele que nem tenta. Na vida teremos sempre a duas opções desistir ou tentar, se desesperar diante das adversidades ou confiar no Senhor e no Seu agir.
Por isso, escolha sempre tentar, escolha confiar em Deus e tenha certeza que jamais será decepcionado, pois com nosso Deus a vitória sempre é certa.